Os Músicos do Diabo!

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail

De tempos em tempos nos deparamos com músicos de habilidades inimagináveis, que nos faz por em dúvida se tamanha virtuosidade é realmente possível. Durante séculos tivemos alguns exemplos de instrumentistas, que apresentavam tanta facilidade com o instrumento que acabaram ganhando a fama de terem feito pacto com o demônio, para alcançarem um nível técnico tão surpreendente.

Os Grandes Virtuosos

Talvez o primeiro grande virtuoso a ganhar essa reputação, tenha sido Niccolo Paganini, (Gênova, 27 de outubro de 1782  — Nice, 27 de maio de 1840). Paganini foi um compositor e violinista italiano que revolucionou a arte de tocar violino, e deixou a sua marca como um dos pilares da moderna técnica de violino.

Paganini além de ser considerado o maior violinista da história também foi um grande compositor, sua maneira de tocar e criar música influenciou todos os virtuosos que vieram a seguir, entre eles estão os pianistas românticos, Frédéric Chopin e Franz Liszt, e um grande número de guitarristas nos dias atuais, como: Yngwie Malmsteen, Steve Vai e Jason Becker.

Conheça www.guitarpedia.com.br, o site com mais de 700 aulas, a ferramenta online mais eficaz, para a sua evolução musical.

Outro músico que é conhecido por ter uma relação mais íntima com o anjo do mal é Robert Johnson (Hazlehurst, Mississippi, 8 de maio de 1911 – Greenwood, Mississippi, 16 de agosto de 1938). Johnson é conhecido como o primeiro grande expoente da guitarra blues, e é uma importante referência para a padronização do consagrado formato de doze compassos. Segundo a lenda ele também teria se valido de um contrato com a entidade maligna para adquirir grandes habilidades no instrumento.

No Cinema

Um filme que retrata em detalhes este polêmico tema é Crossroads (1986), no Brasil, Encruzilhada. Na trama um jovem e talentoso estudante de música clássica Eugene Martone é também um aficcionado por blues. Depois de descobrir Robert Johnson e uma música perdida, ele ajuda na fuga de Willie Brown de um asilo-prisão, que é um antigo gaitista de blues e amigo de Johnson. Ambos partem em busca da encruzilhada, local onde um pacto teria sido feito pelos músicos para se tornarem famosos no blues. O desfecho do filme é o conhecido duelo de guitarristas entre o jovem estudante de música clássica e o guitarrista do diabo, Jack Butler (Interpretado por Steve Vai).

(Trecho do filme onde o duelo acontece, e Eugene Martone interpretado por Ralph Macchio executa o Caprice n º 5 de Paganini)

Se você quiser entrar no clima e também ter Paganini em seu repertório segue abaixo toda partitura de Caprice nº 5 tocada no filme:

Sejam apenas boatos ou realidade, a verdade é que todos esses músicos têm em comum talento aliado a muito estudo e dedicação. Assim não há atalhos quando se fala de música, nem pactos que lhe dê conhecimento que não foi adquirido através de um trabalho árduo. Se você almeja ser bom músico, o único caminho é o estudo!

Para mais informações sobre blues, história de música e conhecimentos em guitarra acesse www.guitarpedia.com.br. Acesse também nosso facebook para acompanhar as novidades!

Tablatura

p1

p2

p3

p4

p5

p6

p7

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinrssyoutube