Os Guitarristas Brasileiros que Ganharam o Mundo Pt2

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail

Hoje vamos voltar a nosso passeio entre os guitarristas brasileiros mais influentes ao redor do globo.

Acesse já www.guitarpedia.com.br e conheça o mais completo site de aulas de guitarra online, com mais de 700 aulas, para todos os níveis de estudantes.

Nelson Faria

Nelson Faria nasceu em 23 de março de 1963, na cidade de Belo Horizonte-MG, é um dos mais expressivos músicos brasileiros, contando em seu curriculum a edição de seis livros, sendo dois editados nos EUA, Japão e Itália, nove CD’s, um DVD, uma video-aula, além da participação em mais de 200 CD’s de diversos artistas nacionais e internacionais como músico, arranjador ou produtor.

Estudo com os grandes mestres

Iniciou seus estudos com Sidney Barros (Gamela), professor responsável por despertar seu gosto pelo estilo chord melody, e em 1983, mudou-se para Los Angeles, Estados Unidos, onde cursou o G.I.T. (Guitar Institute of Technology) e teve o privilégio de aprender com os mestres Joe Pass, Joe Diorio, Frank Gambale, Scott Henderson, Howard Roberts, Ron Eschete e Ted Greene. De volta ao Brasil tornou-se um dos instrumentistas brasileiros mais requisitados para gravações, shows e workshops, desenvolvendo paralelamente trabalhos no exterior como instrumentista e arranjador.

Dentre os artistas com quem trabalhou, nos palcos ou em estúdios, destacam-se João Bosco, Cassia Eller, Gonzalo Rubalcaba, Ivan Lins, Till Broenner, Zélia Duncan, Ana Carolina, Milton Nascimento, Toninho Horta, Tim Maia, Leila Pinheiro, Nico Assumpção, entre outros, acumulando apresentações em quase todo o continente americano, Europa e Japão.

Como educador  Faria também acumula muitos projetos bem-sucedidos. Entre 1987 e 1999 lecionou disciplinas de arranjo, harmonia, improvisação e guitarra na Faculdade de Música da Universidade Estácio de Sá, e no curso CIGAM (Curso Ian Guest de Aperfeiçoamento Musical), ambos no Rio de Janeiro – RJ.

Nelson também atuou como professor convidado nas Universidades Manhattan School of Music (NY – USA), New School of Music (NY-USA), Berklee College of Music (Boston – USA) , University of South California (LA-USA), Stockholm Royal College of Music (Suécia), Göterborgs Universitet (Suécia), Sibellius Academy (Finlandia), University of Miami (USA), San Francisco State University (USA), Malmo Universitet (Suécia)  e nos consevatórios de Amsterdam e Rotterdam (Holanda).

Andreas Kisser

Andreas Rudolf Kisser, nascido em 24 de agosto de 1968 em São Bernardo do Campo, talvez tenha sido o primeiro guitarrista brasileiro a ficar famoso ao redor do mundo pela música pesada, afinal desde 1987 ele integra o Sepultura, a banda nacional mais bem sucedida internacionalmente.

Interessou-se por música logo cedo, aos 10 anos de idade, escutando os discos da mãe e do pai, como Beatles, Roberto Carlos e basicamente sertanejos como Tonico e Tinoco por parte de seu pai. Com o violão da avó, aprendeu os acordes principais através da MPB. Pela influência de um amigo mais velho, conheceu o Queen e o Kiss, o que revolucionou toda a sua maneira de encarar a música.

Na metade da década de 80 Andreas formou sua primeira banda, a ESFINGE e teve grande repercussão na região do ABC paulista. Só tocavam covers e isso foi uma grande escola, tocando desde Whitesnake até Venom. No começo de 1987, entrou para o Sepultura, se mudando para Belo Horizonte, e começando uma carreira única na história da música brasileira. Junto com Max Cavalera, Igor Cavalera e Paulo Jr., conquistaram o mundo, viajando pelos quatro cantos, divulgando um pouco mais a cultura brasileira através da música pesada.

Andreas continua com o Sepultura, agora com Derrick Green nos vocais e também se lançou no mundo do cinema fazendo duas trilhas sonoras. Atualmente apresenta um programa de rádio onde compartilha algumas de suas experiências.

Rafael Moreira

Rafael Cury Moreira, nasceu em Cambará, Paraná, seu pai Benedito Moreira Jr, era um engenheiro agrícola, e sua mãe Marili Cury Moreira, uma professora de música. Foi a influência artística de sua mãe, uma clássica / pianista de jazz que abasteceu suas primeiras ambições musicais. Ele começou a cantar aos dois anos de idade, e com cinco anos, ele foi tocar guitarra.

A rica diversidade musical do Brasil, particularmente a arte de Djavan, Milton Nascimento e Antonio Carlos Jobim, revelou-se uma inegável influência na educação musical de Rafael. Anos mais tarde saiu de casa e mudou-se para Curitiba, para estudar música clássica. Sua primeira banda, no entanto, foi um grupo de jazz chamado Lex Luthor.

Sensação em Hollywood

Depois da adolescência, Rafael se mudou para Los Angeles, onde estudou no conceituado Guitar Institute of Technology (GIT). Participou de um teste com outras centenas de músicos, e foi escolhido para atuar como guitarrista da musa pop Cristina Aguilera. Ganhou notoriedade ao participar das duas edições do programa Rockstar, onde foram escolhidos vocalistas das bandas INXS e Supernova. Depois do reality show foi convidado para integrar a banda de Paul Stanley.

Hoje Rafael é uma sensação nos Estados Unidos sendo elogiado por muitos músicos renomados, incluindo Dave Navarro, guitarrista do Jane’s Addiction e ex-Red Hot Chilli Peppers. O brasileiro além de ter uma carreira como produtor e possuir a sua carreira solo, já tocou ao lado de artistas do gabarito de Steve Wonder, Steven Tyler (do Aerosmith), Paul Stanley (do Kiss), Tommy Lee (do Motley Crue) e Pink, com quem inclusive gravou um CD e um DVD.

Fique ligado nos próximos Posts para ver a continuação dessa matéria, e para mais informações sobre teoria musical, história de música e conhecimentos em guitarra acesse www.guitarpedia.com.br. Visite também nossa página no facebook para acompanhar as novidades!

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinrssyoutube