D.T. São ele os Pais Do Djent ?

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail

Você já ouviu falar no termo Djent?  Sabe qual é a sua origem e seu lugar no rock contemporâneo?   Será isso algo relevante ou apenas mais um rótulo desnecessário? Antes de entrarmos a fundo nesta discussão, vamos precisar fazer uma reflexão sobre o caminho que a guitarra percorreu durante a última década.

Conheça Aqui o Guitarpedia , assista as nossas aulas de técnica e aprenda sobre pentatônica e outras escalas, palhetada alternada,  ligados, tapping, fraseado, modos etc. Temos a plataforma online mais rápida e eficaz, para o seu aprendizado e evolução musical.

pentatonica

O Início – Meados dos Anos 2000

Em meados da década passada começamos a perceber uma nova tendência no mundo das seis cordas, novas afinações começaram a ser colocadas em prática, não mais a tradicional mudança de meio tom para o grave, utilizada pela maioria das bandas de hard rock nos anos 80. Agora os sons tornaram-se ainda mais graves, as afinações em Drop D, Drop C e outras ficaram cada vez mais populares. Outro fator muito presente nos últimos anos é a grande quantidade de guitarras de sete e oito cordas que passaram a ser utilizadas por um massivo número de bandas.

Além de todos esses avanços técnicos referentes ao instrumento, é inegável que também houve um novo direcionamento estético e musical, principalmente das bandas mais pesadas que começaram a surgir. A maioria dessas novas bandas têm em comum músicos com alto domínio técnico dos seus instrumentos, prodígios e velocistas que estão longe de serem raridade, ao contrário são até esperados neste tipo de música.

As Novas Influências no Séc XXI

Na música do século XXI é comum a incorporação de novos elementos a estilos até então “puritanos”, como por exemplo, a presença de um DJ em uma banda de Heavy Metal ou trechos de Rap incorporado aos vocais. É fácil enxergar uma relação entre a música erudita do séc XX com o heavy metal feito do início da década passada até os dias atuais, novos nomes foram criados, novas influências foram aceitas e novas tendências surgiram. Para um headbanger nos anos oitenta o movimento punk e as suas bandas preferidas em nada convergiam, entretanto hoje observamos um fenômeno diferente, em que praticamente todas as influências são aceitas.

Acesse www.guitarpedia.com.br, assista a uma de nossas aulas, e conheça o nosso player exclusivo com a função loop, que otimiza o seu tempo, e elevará a sua técnica nas seis cordas para um novo patamar.

 Nós contamos com alguns dos músicos mais relevantes no cenário musical do nosso país como: Djalma Lima, Pollaco, Fábio Santini, Bruno Godinho, Vandré Nascimento, entre outros. Acesse já!!!

Todos esses fatores somados ao acesso tecnológico da atualidade contribuiu para o surgimento de novas bandas e novos rótulos, como Deathcore, Sludge Metal, Metalcore, Groove Metal, Rap Metal, Mathcore e o queridinho da vez o Djent.

Djent, Um Novo Estilo ou Um Subgênero ?

Para muitos o Djent não pode ser considerado um estilo e sim uma dissidência do Progmetal, afinal a palavra é uma onomatopeia para som da guitarra de alto ganho tocada com o palm mute da mão direita. É no Prog Metal do início dos anos 2000 que começamos a perceber aonde podem estar as suas primeiras raízes, nesse período surgiram as mais influentes bandas do gênero da atualidade, como Animal as Leaders (2007), Periphery (2005), Born of Osiris (2003), Veil of Maya (2004), The Contortionist (2007), entre outras.

A Influência do Lado Obscuro do Dream Theater

Não por acaso foi nesse mesmo período, que um dos maiores representantes do Metal Progressivo, a banda Dream Theater estava direcionando o seu estilo para um som mais pesado e moderno com os álbuns Six Degrees of Inner Turbulence, lançado em janeiro de 2002, e o sombrio e pesado Train of Thought de 2003. Com esses dois lançamentos a banda alcançou um novo status em sua carreira atingindo e inspirando uma nova geração que viria a seguir, geração esta que teria as longas convenções, as inusitadas alterações na fórmula de compasso, e os complexos riffs e solos de John Petrucci como uma fonte inesgotável de inspiração.

(vídeo da banda Dream Theater compondo o álbum Train of Thought).

Nos anos seguintes o caminho indicado pelo Dream Theater, já não era mais uma exclusividade da banda Nova Iorquina, muitas outras já repetiam seus passos e até incorporavam novos elementos a eles, como a mescla de vocais gritados, com partes mais melódicas, característica muito presente nas bandas de hardcore, que também eram uma influência a esses novos músicos.

(vídeo da banda canadense, Protest the Hero).

As Novas Bandas

Hoje os riffs pesados e padrões musicais com rítmicas alucinantes, capazes de deixar Stravinsky orgulhoso, executados em guitarras de sete e oito cordas (essa última que para muitos, já pode ser considerado um novo instrumento) formam o Djent, o carro chefe no mundo da guitarra pesada nos dias de hoje.

Como tudo na música é cíclico o Djent não poderia ser exceção, o que antes era uma tendência, hoje é uma realidade que pode permanecer por muito tempo. A mutação do gênero ao longo dos anos já é fonte de inspiração, para aqueles que o executaram em seu início, o guitarrista John Petrucci do Dream Theater já confessou ouvir bandas como Animal as Leaders e Periphery (banda essa que em uma das guitarras conta com Jake Bowen, sobrinho do próprio Petrucci), como referência para a sua própria criação. Seria o criador aprendendo com a criatura ?

Hoje o estilo Djent já está tão popularizado que chega a se misturar com gêneros que aparentemente estão bem distantes como, o jazz e o funk. O estilo já é motivo de brincadeira por parte de alguns músicos mais bem humorados que regravam grandes clássicos do rock em versão “Djent”.

(O estilo Djent sendo misturado com jazz e funk, executado em uma guitarra de 8 cordas).

Será que bandas lendárias como Black Sabbath e Iron Maiden seriam adeptas do Djent se começassem nos dias de hoje? Nosso colega inusitado veio para ficar, e encontrar seu lugar ao sol ou será apenas mais uma nota de passagem em um grande solo épico ?

(O Youtuber e guitarrista Steve Terreberry, tocando um medley dos clássicos do Led Zeppelin em versão Djent).

Gostou do tema? Quer saber como aplicar na guitarra? Acesse o Guitarpedia e siga os passos dos seus ídolos!

Curso de Guitarra Metal no Guitarpedia !!

Nós do Guitarpedia em parceria com Vandré, criamos o mais completo curso de guitarra metal da internet, com aulas que vão do iniciante ao avançado, cobrindo temas como, técnica, improvisação e a criação musical dentro do estilo.

Clique Aqui para saber mais sobre o curso de Guitarra Metal no site Guitarpedia com Vandré Nascimento!

Para saber mais sobre guitarra, história da música e teoria musical, visite o site www.guitarpedia.com.br, e curta a página https://pt-br.facebook.com/guitarpedia para ficar por dentro das novidades e interagir conosco!

 

 

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinrssyoutube